Clínica Social

A importância de ter disponível o atendimento em clínica social

O que é Clínica social 

É uma prática de atendimentos clínicos psicológicos de baixo custo. Visam atender a demandas de pessoas que não podem arcar com os custos de um atendimento clínico particular. 

O Conselho Federal de Psicologia (CFP) sugere valores para cada prática profissional do psicólogo através de uma tabela. A psicoterapia social geralmente apresenta um valor abaixo do designado nessa tabela. Essa prática costuma ser realizada geralmente em clínicas, ou outros espaços, como ONGS, Organizações de Ensino e etc. 

A desigualdade

O Brasil é um dos países com altos índices de desigualdade no mundo. Em 2020 essas taxas aumentaram ainda mais por conta da pandemia. Esse contraste social é uma realidade brasileira há muito tempo, os números cada vez maiores de transtorno depressivo maior e transtornos de ansiedade também são reflexos dessa realidade. Como as condições econômicas, históricas, sociais e culturais influenciam e impactam na saúde mental, as expressões de sofrimento psíquico estão aparecendo na forma de sintomas psicológicos. 

Por isso a importância do “fazer psicologia para todos”, sem limitar um serviço de saúde tão importante apenas para os mais ricos. O que reproduz um modelo de psicologia assistencialista. Todos possuímos saúde mental e todos nós temos demandas psicológicas, o modelo social de clínica visa não só atender a essa demanda após um quadro psiquiátrico mais sério, mas também prevenir, além de prover melhor qualidade de vida àqueles que não teriam condições de arcar com valores sugeridos pelo CFP. 

O Código de Ética 

Alguns artigos do Código de Ética Profissional do Psicólogo possuem orientação de limites e possibilidades da relação da psicologia com a sociedade através das demandas tanto na dimensão subjetiva, quanto das relações financeiras. 

Princípio fundamental III do código de ética: “O psicólogo atuará com responsabilidade social, analisando crítica e historicamente a realidade política, econômica, social e cultural” (CFP, 2005, p. 7).  

Artigo primeiro, alínea d, nos deveres fundamentais dos psicólogos: “Prestar serviços profissionais em situações de calamidade pública ou de emergência, sem visar benefício pessoal”. 

Concluindo… 

Compomos uma profissão de responsabilidade social, e é esperado do psicólogo clínico dentro de um corpo social tal qual vivemos no Brasil, uma postura empática, de cuidado, de acolhimento e sobretudo ética. Percebendo o indivíduo como alguém que procura o atendimento psicológico social que possibilite uma melhora em sua qualidade de vida e otimize suas competências. 

Nós do CAAESM entendemos essa importância e oferecemos serviços em clínica social, você sabia?

Texto por: Julia Gonzaga